Iguatemi, Quinta Feira, 09 de Julho de 2020

Diabetes dobra o risco de morte por Coronavírus, mostra estudo

0

Estudo da Associação Europeia para o Estudo da Diabetes revelou que um a cada dez pacientes com a doença chegam à óbito por causa da infecção pelo vírus

Pacientes com complicações por causa da diabetes e que foram contaminados pelo novo coronavírus têm duas vezes mais risco de morrer, de acordo com um estudo divulgado pelo Diabetologia Thursday, uma publicação feita pela Associação Europeia de Estudos da Diabetes (EASD na sigla em inglês).

O estudo analisou o estado de saúde de 1.300 pacientes diabéticos e com a Covid-19 em 53 hospitais da França entre os dias 10 e 31 de março. A maioria (89%) tem diabetes tipo 2, enquanto 3% sofrem da diabetes tipo 1 e o restante de outras formas da doença. A média de idade dos pacientes é de 70 anos.

Os pesquisadores avaliaram a progressão dos pacientes durante uma semana e, após o período, 29% estavam utilizando um ventilador para respirar ou já haviam morrido. A conclusão indica que um a cada cinco diabéticos com Covid-19 precisam do auxílio dos ventiladores e um a cada dez chega à óbito por causa da doença – apenas 18% do grupo recebeu alta dos hospitais ao final do sétimo dia.

As conclusões revelam que a diabetes é uma das condições de saúde que dão aos doentes um risco maior de desenvolver sintomas severos da Covid-19. Os pesquisadores disseram não encontrar relação entre os casos graves e idade, sexo, controle prolongado da glicose, complicações crônicas, pressão alta ou medicações incomuns. Apenas o excesso de peso, medido pelo índice de massa corporal (IMC), é um fator importante, que pode acarretar em uma complicação no caso do diabético com Covid-19.

Veja

 

Share.

About Author

Leave A Reply