Iguatemi, Quarta Feira, 30 de Setembro de 2020

Médicos denunciam superlotação em hospital referência para covid-19 em Dourados

0

Alerta foi feito em ofício assinado por médicos das áreas verde e vermelha do Hospital da Vida, em Dourados

Referência do SUS (Sistema Único de Saúde) para atender pacientes infectados pela covid-19, o Hospital da Vida, em Dourados – a 233 km de Campo Grande – está superlotado.

Pacientes estão sendo mantidos em corredores, sem o distanciamento mínimo necessário para evitar contágio pelo novo coronavírus. O alerta sobre a superlotação faz parte de documento ao qual o Campo Grande News teve acesso nesta quarta-feira (29).

Endereçado ao Samu (Serviço Móvel de Urgência), ao Corpo de Bombeiros, à Central de Regulação de Leitos de Dourados e à UPA (Unidade de Pronto Atendimento), o ofício é assinado pelos médicos Jony Alisson de Santana, da área vermelha, e Paulo Lima, da área verde.

“O Hospital da Vida está com superlotação em área vermelha, com pacientes necessitando de leitos de UTI. Sem espaço para respeitar o distanciamento adequado entre eles. Três pacientes no corredor da classificação aguardando leitos e três aguardando atendimento”, afirma trecho do documento. A ala vermelha é onde ficam os pacientes considerados mais graves.

Os médicos afirmam no ofício que os quartos estão superlotados, impossibilitando receber pacientes com menos complexidades. O documento não cita a covid-19.

“Temos cinco pacientes em área vermelha (sendo um paciente em ventilação mecânica). Dez leitos de UTI geral estão lotados, sem perspectivas de altas”, afirmam os médicos do Hospital da Vida.

Ontem, o comitê local de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus informou que Dourados tinha 37 pessoas com covid-19 ocupando leitos de enfermaria e UTI, tanto em hospitais públicos quanto privados. Outras 38 com síndromes respiratórias, tratadas como casos suspeitos de coronavírus, também estavam internadas na cidade.

Procurado para falar sobre a superlotação do Hospital da Vida, o secretário de Saúde de Dourados, Gecimar Teixeira Junior, disse que o Hospital da Vida, assim como a UPA, é de responsabilidade da Funsaud (Fundação de Serviços de Saúde de Dourados). O Campo Grande News ainda não conseguiu falar com o diretor-presidente da Funsaud, Mateus Tavares Fernandes.

- CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

 

Share.

About Author

Leave A Reply